Sobre o amor

Eu olho esses relacionamentos, tanto na internet, quanto na rua, e fico me perguntando quantos deles são verdadeiros? Será que em todos o sentimento é mútuo entre o casal? Não posso negar que às vezes sinto uma certa vontade de ter alguém também, mas quando penso na quantidade de problemas e a responsabilidade que isso pode me delegar, eu desisto; até porque sou imatura pra isso, mas vejo tantas meninas e meninos iludidos que fico com dó.
E aí me vem as perguntas. Como alguém consegue dormir, descansar sabendo que está mentindo sobre seus sentimentos para alguám? Como consegue ouvir um "eu te amo, fica comigo" e responder mentindo: "o sentimento é mútuo, tu é a única perfeita, é quem eu quero pra vida toda"?
Sentimentos são um assunto muito delicado, não são brinquedos para que alguém brinque e depois largue num canto. Não importa a idade da pessoa, nunca se deve despertar o carinho de alguém se não se importa com a pessoa.
E são tantas mentiras... Sempre existiram, mas cada dia está mais comum ver gente mentindo e o mais incrível é que a gente pode chegar e "jogar na cara" todas as mentiras e o indivíduo continua mentindo.

O amor parece que se tornou tão banal. Todo mundo ama tão facilmente, todo mundo trai tão facilmente.
Relacionamentos não são descartáveis e te marcam a vida toda, então tenha cuidado. Errar todo mundo erra, é da naturaza humana, mas permanecer no erro já é desonestidade. O amor é bom, mas não é bobo.
E quem quer que esteja lendo isto, seja cristão ou não, tenho certea que há de concordar comigo que as características do verdadeiro amor estão em 1 Coríntios 13:4-13
"Quem ama é paciente e bondoso.
Quem ama não é ciumento em excesso,
nem orgulhoso, nem vaidoso.
Quem ama não é grosseiro, nem egoísta;
não fica irritado, nem guarda mágoas.
Quem ama não fica alegre quando alguém
faz uma coisa errada,
mas se alegra quando alguém
faz o que é certo.
Quem ama nunca desiste,
porém suporta tudo com fé, esperança
e paciência.
O amor é eterno.
[...]
Portanto, agora existem
estas três coisas: a fé, a esperança e o amor.
Porém a maior delas é o amor"
(Bíblia da Adolescente - Nova Tradução na Linguagem de Hoje, 2000, CPAD)
Quando  encontrar alguém com essas qualidades terá encontrado a pessoa certa para você.

Conselho Federal de Psicologia (CFP) volta a ameaçar psicóloga cristã Marisa Lobo

Tenho acompanhado em notícias através da internet (porque a mídia tradicional praticamente não dá atenção ao assunto) a absurda perseguição religiosa que o Conselho Federal de Psicologia tem promovido contra psicólogos que professam publicamente sua fé em Deus e em Jesus Cristo. Dois deles são especialmente atacados: Silas Malafaia e Marisa Lobo, por defenderem a chamada psicologia cristã e por afirmarem que a cura para o homossexualismo é possível para aquele que assim o desejar. Como não conseguiram caçar a licença do pastor Silas Malafaia, o CFP voltou a ameaçar a psicóloga Marisa Lobo; A notificação chegou no dia 22 de fevereiro e hostiliza diretamente a sua fé. 
A perseguição é tão descarada e aberta que Marisa tem mostrado em sua página do Facebook associações de psicólogos espíritas, afro-umbandistas, judeus, islâmicos, etc... Todos exercendo suas profissões sem problema algum e sem serem molestados pelo conselho. Pelo jeito o problema dos responsáveis pelo CFP é mesmo um preconceito monstruoso contra o cristianismo. Algo intolerável para um país que (ainda) se declara defensor dos direitos individuais, da liberdade de expressão e da liberdade religiosa. Segundo o site GospelMais, Marisa afirma que vai processar o CFP na justiça comum por ter aceito denúncias de racismo e homofobia sem sequer averiguar as acusações.
Nenhum dos argumentos do Conselho Federal de Psicologia contra Marisa faz qualquer sentido! Mesmo porque ela não inventou nada novo. O filósofo Olavo de Carvalho inclusive já comentou em seu programa no ano passado, que a psicologia cristã é uma das principais correntes da psicologia do século XX, cheia de nomes ilustres. E deixa um conselho ao CFP: “Vão estudar seus vagabundos!
É óbvio como a própria psicóloga observou, que existe uma grande mobilização organizada para transformar os cristãos em “homofóbicos” aos olhos da sociedade. E o pior é que muitos cristãos sinceros realmente acreditam no chororô e nas questionáveis estatísticas apresentadas pela militância gayzista; Outros líderes evangélicos de influência tem se omitido sobre o assunto (como se isso fosse salvar a pele deles mais tarde). Há também líderes religiosos que o fazem de má fé mesmo. Inimigos do verdadeiro cristianismo.
Faço um apelo aos leitores cristãos do meu blog: Vigiem! Fiquem mais atentos ao que está acontecendo, especialmente na política; um inimigo poderoso está tomando posição e se mobilizando para atacar e destruir totalmente a moral judaico-cristã e sua influência na sociedade. Um genocídio cultural.
A todos os demais leitores, que se preocupam em garantir a liberdade das pessoas, também faço um apelo: Peço que assinem essa petição pública A Favor da Psicóloga Marisa Lobo que nunca induziu ninguém aderir à convicções religiosas dentro do consultório, e está sendo tolhida de professar sua Fé. 

Clique aqui para assinar a favor da psicóloga.
 
Texto retirado do blog O Covil do Koiote
Clique aqui para ler o post original.
 









Layout base por Julie Duarte ♥ Modificado e customizado por Segredo Feminino